Casas

MINHA CASA FICOU MAIS BONITA – A ZIZI CARDERARI ENSINOU 3 FORMAS DE ARRUMAR MESAS COM O QUE VOCÊ TEM

Já imaginou um furacão entrando na sua casa e transformando tudo?

Essa foi a sensação ao receber minha grande amiga Zizi Carderari, que vocês já conhecem de outros vídeos. Mas, dessa vez, ela veio para fazer a produção de três arrumações de mesas diferentes usando só o que eu tinha em casa e os tecidos que ela trouxe. Já se prepara que tem muita dica boa!

Como ela produz os panos do Estúdio Avelós, ela trouxe 3 possibilidades diferentes para arrumar as mesas com estilos bem informais, mostrando que o chique mesmo é ter coragem de ser bem simples.

“O que a gente faz no Projeto Sertões é fomentar o uso da arte popular e dos saberes brasileiros”, explica ela. A Zizi conta que, em seu projeto com as rendeiras de Pernambuco, elas decidiram ressignificar e abrir os pontos de costura para evidenciar mais a renda renascença.

“Nós procuramos o tingimento vegetal”, explica ela, ou seja, os tons de cores são extraídos da natureza. Conheça mais sobre o Projeto Sertões aqui.

Vamos começar! A inspiração para nossa primeira mesa é nada menos que ela, a melancia.

Perguntei para a Zizi uma dica para fazer uma produção de mesa bonita e barata. “Exercite sua liberdade, não fique presa a padrões. Eu mesma faço tudo o que minha mãe falava pra eu não fazer. Eu desobedeço.”, brinca ela.

“Uma boa maneira é olhar tudo o que você tem e fazer um diário de possibilidades”, explica Zizi. “Eu pego plantas dos vizinhos pra fazer arranjos, uso vidros de farmácia. São coisas que você pode ter em casa e nem sabe”, continua.

Nessa primeira mesa, a Zizi misturou xícaras e pires diferentes, ousou nas cores dos copos (que são de garimpo) e, além da toalha, aproveitou um pano de prato para segmentar a produção na mesa.

A Zizi também explicou que podemos dobrar os guardanapos de formas diferentes, criando uma dinâmica na mesa.

“Outra coisa que é importante pra mim é reciclar. Por exemplo, essas garrafinhas eram de azeite”, conta Zizi.

E tudo isso foi inspirado nas cores da melancia. “Qual sua inspiração de hoje? É um bom título pra você começar todos os dias”, diz Zizi.

Ah, e uma dica sobre produção de fotos. Muitas vezes, a própria “bagunça” que você está preparando é uma foto ótima. Ou seja, não existe regra!

“Não fique pensando muito em como você vai fazer. Comece que rola”, aconselha Zizi. Vamos para a segunda mesa!

Nessa produção, a Zizi usou duas passadeiras diferentes para montar a mesa. Abriu frutas lindas e perfumadas, colocou colheres pretas que eu já tinha, usou cestinhas coloridas que eu trouxe do Belém do Pará para acomodar frutas, além das cumbucas de cerâmica que foram usadas para servir o café. Simplesmente apaixonante!

O uso das passadeiras é ideal também para quando você não quer esconder a mesa por completo. “Pano é pra ser usado de muitas maneiras”, diz Zizi.

Assista o vídeo completo pra ver como ela fez esse “desarranjo” de plantas.

“Tenha a coragem de ser simples”

@zizicarderari

Na produção da nossa última mesa, a Zizi usou a cor rosa do Estúdio Avelós. “Chamamos de rosa velho. Ele harmoniza com qualquer casa, é a cor campeã do Estúdio”, explica Zizi.

Dessa vez, ela usou jogos americanos, escolheu copos completamente diferentes e colocou plantinhas que achou na minha prateleira. O mais lindo foi que a Zizi usou um passarinho que fica na estante para criar uma narrativa, como se ele estivesse roubando frutinhas. Tudo improvisado!

Os elementos principais aqui são: o rosa que recebe bem todo mundo, o uso do preto em pequenas doses (como nos talheres) e o passarinho que foi ressignificado. Uma dica muito boa também é colocar outro elemento, como a passadeira nesse caso, para sustentar a produção.

Ou seja, você pode deixar todos os pães, geleias, frutas, sucos e café de ladinho. E fica um charme somente com uma mudança de olhar!

Eu adorei ver minha casa sendo ressignificada por um olhar tão talentoso. Com a Zizi, toda arrumação é festa.

Siga a Zizi no Instagram: https://www.instagram.com/zizicarderari/

O Estúdio Avelós no: https://www.instagram.com/estudioavelos/

O Projeto Sertões no: https://www.instagram.com/projetosertoes/

Lembre-se de se inscrever aqui no meu canal também: https://goo.gl/aFe7h9

Sempre existiram. Pessoas, lugares, encontros. Sempre existiram. Tangíveis, palpáveis, inimagináveis. Sempre existiram. Criações, intenções, ilusões. Sempre existiram. Existem, sempre existirão. Cenas que não são vistas somente com os olhos.

Write A Comment