Casas

TRÊS DECORAÇÕES DIFERENTES E POSSÍVEIS PARA UM MESMO LUGAR

Por abril 12, 2020 Sem Comentários

Oieee, tudo bem? Fui fazer uma palestra em Balneário Camboriú – SC em um prédio que concentra escritórios de design, arquitetura e lojas de decoração, o Casa Hall Design District.

Claro que fiquei louco para te mostrar , então literalmente invadi três escritórios de arquitetura e design de interiores que possuem as plantas parecidas, mas as decorações totalmente diferentes. Vem comigo!

ATENÇÃO: ESSE VÍDEO FOI GRAVADO ANTES DA QUARENTENA E ISOLAMENTO SOCIAL.

O primeiro escritório que nós vamos invadir é o Studio CASAdesign, dos arquitetos Moacir Jr e Salvio Jr. Composto por duas salas, os meninos optaram por um estilo mais intimista que quebra o gelo e faz o cliente se sentir em casa.

“A intenção é quebrar um pouco daquela frieza do espaço corporativo e mostrar nossa essência, nossos projetos”, conta Moacir.

“Aqui tem muito da nossa história, dos objetos que nós fomos adquirindo com o tempo”, conta Salvio. E tem garimpo também! Aliás, o sofá Chesterfield desgastado que eu sou apaixonado era da avó do Moacir. Já amei.

Eles também são apaixonados pela feirinha do Bixiga, aqui em SP, um local cheio de tesouros escondidos.

A madeira veio para aquecer o ambiente e trazer aquele aconchego, em contraste com o cimento do piso frio.

As plantas também são parte importante do estilo dos meninos. Aqui a maioria veio de showrooms que eles fizeram.

Eles contam que gostam de mesclar o informal com peças de design, mostrando que nós também podemos fazer isso em casa.

“Gostamos de objetos importados, gostamos do movimento nacional. O equilíbrio também é importante. É nossa função social também”, contam os meninos.

Saiba mais sobre o Studio CASAdesign aqui.

O próximo escritório é da arquiteta Vanessa Larré.

O hall da Vanessa é uma experiência única, com esse mosaico incrível na parede, as folhas no teto feitas de chapas metálicas e essa grade curvada na entrada que te conduz para dentro como um portal.

“Acredito que a criatividade explorada se torna única e é o DNA do escritório. A ‘imperfeição’ me conquista muito mais”, diz Vanessa.

Essa estante incrível foi usada em uma Casa Cor que o escritório participou.

Para ampliar o espaço, ela usou um espelho bem grande.

Aqui na salinha da equipe, um tapete incrível e uma lareira reaproveitada da Casa Cor também.

Também amei a ideia do papel de parede por trás da estante.

A Vanessa teve um ótimo aproveitamento de espaço e conseguiu instalar até uma cozinha e uma copa. Ela conta que adora ver a equipe ali reunida em volta da mesa para tomar um café e conversar.

A cozinha estruturada em ferro é simplesmente incrível! Uma ótima saída para apartamentos pequenos, inclusive.

O lavabo da equipe é literalmente para despertar a criatividade!

A Vanessa me apresentou esse papel de parede que eu não conhecia, chamado de “ecopaper” ou “papel de parede líquido”.

“Ele vem como uma massa que você aplica. Se eu por acaso arranhar, posso vir com um borrifador de água, ele fica mole de novo e eu posso reparar sem deixar mancha”, conta Vanessa. Incrível! A textura é muito parecida com a de várias pedrinhas.

Saiba mais sobre o escritório da Vanessa aqui.

O terceiro escritório que vamos conhecer é o Granatti Interiores, do querido arquiteto Junior Granatti.

O Junior conta que adora carregar as histórias dele para onde vai. “Além dos garimpos, eu brinco que gosto de assaltar minha mãe e minha avó”, conta ele rindo.

O grande destaque na entrada são essas divisórias de vidro que ele instalou na diagonal para criar uma sensação de movimento.

“Essa estante está recheada de memórias”, diz Junior. Algo que reparei em comum entre os três escritórios é que todos reaproveitam objetos e materiais de outros lugares ou exposições, criando um ambiente que conta a história de cada escritório.

O escritório de sala única tem um painel de madeira com iluminação especial que cria um clima de aconchego.

Ele tem uma planta na própria mesa de trabalho. Amei!

O Junior conta que gosta de trabalhar variações de textura, material e tonalidade de uma cor escolhida nos ambientes, criando uma composição rica e interessante, como o preto nesse painel.

As duas mesas principais são criação própria. A cadeira incrível de papelão também veio de uma Casa Cor. “Eu gosto da fragilidade por ser de papelão e da força por aguentar até 150kg”, conta Junior.

O Junior também gosta de misturar peças de design assinado com relíquias lindas da família.

“Eu gosto de sair do estereótipo de ser igual”, diz Junior.

Apaixonado por garimpo, cada cantinho tem um toque de personalidade.

Uma foto linda com o filho, obras de arte garimpadas e resgates afetivos preenchem o escritório.

No lavabo, um espelho que chega no teto cria uma impressão de se perder o limite do ambiente. Amei! Sente o bom humor desse quadro com a Rainha.

Saiba mais sobre o escritório Granatti Interiores aqui.

E agora? Qual dos 3 você se identifica mais?
Para conhecer mais, siga no instagram: https://www.instagram.com/casahalldesigndistrict/

Eu simplesmente amei essa experiência e queria passar o dia conhecendo todos os escritórios.

Lembre-se de se inscrever aqui no canal: https://goo.gl/aFe7h9

Conheça minha nova série MINHA CASA BY LUFE:
https://lifebylufe.com/category/minha-casa-by-lufe/

Sigamos juntos!